Quais os principais fatores de risco das varizes?

Muito além de um problema apenas estético, as varizes, veias que dilataram e tornaram-se tortuosas, podem desencadear uma série de outros problemas muito sérios, além de problemas de fundo psicológico, como baixa autoestima, depressão, entre outros.

O fato é que as varizes não podem ser subestimadas, precisam ser tratadas corretamente, evitando possíveis consequências.

Embora seja um problema mais comum em mulheres, os homens também podem ter varizes, comprometendo a circulação sanguínea, já que elas surgem quando ocorre um represamento do sangue nas veias, em geral, por ineficiência das válvulas venosas.

Os principais fatores de risco são:

  • Histórico familiar: a doença costuma ser uma tendência familiar, ou seja, a doença é passada de geração em geração, caso pais, avós e tios apresentem os mesmo sintomas.
  • Sexo feminino: os hormônios femininos diminuem a força das paredes das veias, deixando os vasos mais fracos.
  • Obesidade: quanto mais peso, maior a pressão sobre as veias.
  • Idade: mais comuns após os 30 anos, e ainda mais com o envelhecimento.
  • Gravidez: a grande quantidade de hormônios, somada a um maior volume de sangue circulante e a compressão das veias intra-abdominais pelo útero, favorecem o surgimento das varizes.
  • Sedentarismo: andar facilita o retorno venoso, diminuindo o represamento do sangue dentro das veias.
  • Traumas nas pernas: qualquer lesão nas veias pode torná-las mais fracas e susceptíveis a dilatações.
  • Ficar na mesma posição por longos períodos: em pé, ou sentado, sem andar durante várias horas, dificulta o retorno venoso e facilita o surgimento de varizes.
  • Pílulas anticoncepcionais: a variação hormonal é um grande fator responsável pelas varizes.
  • Tabagismo: o cigarro é nocivo a parede dos vasos.

Salto alto pode causar varizes?

Ainda não há um consenso sobre o uso de salto alto causar, ou não, varizes. Mas, o fato é que, por causa do salto alto, o sangue pode ficar mais facilmente preso na região da panturrilha, pela própria posição da batata.

Por outro lado, inexistência de salto algum também exige mais esforço dos músculos para bombearem o sangue de volta ao coração. Por isso, a dica é apostar em um salto pequeno, de um ou dois centímetros, deixando a perna, e os pés, em uma posição confortável.

Como prevenir as varizes

Uma das melhores formas de prevenir e tratar as varizes é fazer o uso do creme varigold que aliviar as dores, diminui o inchaço e previne doenças.

Quando as varizes estão ainda em uma fase inicial, é possível, com algumas mudanças nos hábitos, prevenir seu agravamento. São mudanças simples, como  parar de fumar, evitar longos períodos sentado, ou em pé, procurar praticar exercícios regularmente, principalmente, caminhadas e, se você estiver acima do peso, emagrecer.

Ao contrário do que muita gente pensa, musculação não causa varizes e nem agrava seu quadro, só é preciso, no entanto, que seja realizada de modo correto.

Outra forma de se precaver contra as varizes, ou seu agravamento, é evitar o uso de pílulas anticoncepcionais, que em pacientes com predisposição genética muito forte, podem ser muito prejudiciais.